Conheça Indiaroba em Sergipe

Seja bem vindo(a) à Indiaroba, município brasileiro do estado de Sergipe. Está localizado no litoral sul do estado, fazendo divisa com o Estado da Bahia,com altitude de 26 metros. Possui uma área de 311,4 km², o que corresponde a uma densidade populacional de 50,58 hab/km², em dados do IBGE de 2010. Sua população estimada em 2010 era de 15.861 habitantes e fica a cerca de 96 km de Aracaju. Indiaroba em tupi-guarani significa óleo amargo (nhandi + roba). 

Seu Povoado, Pontal, foi “palco” juntamente com Mangue Seco, povoado de Jandaíra, município ao norte da Bahia que faz divisão de boa parte do território com Indiaroba, do famoso romance Tieta do Agreste, do renomado escritor Jorge Amado.

Em sua monografia Festa do Divino Espírito Santo, padroeiro de Indiaroba, a Profª. Maria Francisca dos Anjos, da UFS , comenta que por muito tempo a tarefa de esclarecer a origem da cidade tem sido realizada com dificuldade por muitos pesquisadores e historiadores. Isto está conexo à insuficiência de fontes que sirvam de elementos necessários para pesquisas sobre o pequeno município, estorvando assim construir sua história. Indiaroba fica entre os rios Piauí ao norte e Real ao sul que hoje forma o município.Foi antigamente, por quase um século, um território alvo de disputas de comarca, entre os municípios de Abadia ao lado da Província da Bahia e Santa Luzia do Rio Real (hoje Santa Luzia do Itanhi) do lado de Sergipe. Essas primeiras disputas se prolongaram até pouco depois da criação de Abadia instalada pelo ouvidor de Sergipe em 1728. Outras questões foram debatidas até Indiaroba pertencer a Sergipe como mencionaremos adiante. Os franceses que desde 1575 excursionaram pelo rio Real, com a ajuda dos indígenas, não deixaram resquícios de sua passagem por aquelas terras, mas documentos confirmam que foram os primeiros povos etnicamente brancos a aportarem na região, onde, com auxílio dos nativos, contrabandeavam madeira e outras riquezas naturais. A conquista de Sergipe, por Cristóvão de Barros, em 1590, foi o marco também da divisão em relação às primeiras sesmarias da região, precisamente em 1596, quando se estabeleceram diversas colônias com suas fazendas de gado. Em 1750, segundo Góes (2002: 100), padres jesuítas que vinham de Santa Luzia através do rio Saguim, fundaram um hospício e a capela de Nossa Senhora do Carmo, hoje povoado Convento. A povoação era denominada Feira da Ilha por causa de comerciantes que traziam produtos da Abadia (Bahia). Posteriormente, o nome foi alterado para Terra do Divino Espírito Santo. O historiador Luis Soutelo (2000: 44) comenta que em 1787 as lutas no território Bahia-Sergipe se intensificam em virtude das rivalidades entre capitães-mores José de Oliveira Campos de Abadia (hoje Cachoeira de Abadia-Ba) e Manoel Francisco da Cruz e Lima, de Santa Luzia do Rio Real-SE. Esses dados sobre o passado distante de Indiaroba podem ainda ser comprovados na leitura de determinados documentos, que tratam da história de Sergipe até o século XIX. Hoje, a produção do município é tanto da pecuária quanto da lavoura de cana-de-açúcar e algodão. Atualmente é comum encontrar fazendas da região instalando tanques para o cultivo de camarão, fundamental na culinária local e utilizado para exportação comercial. Para o historiador Clodomir Silva (1920: 193), citado em Anjos (2001:12), entende-se que o limite geográfico passou por alteração de caráter religioso, político-administrativo e que favorece uma compreensão da cidade de Indiaroba nos dias atuais. Ainda sobre o assunto, Clodomir Silva, conceitua estas questões políticas e administrativas que estavam envolvidas na sua história. Cita: A lei de 31 de janeiro de 1845 declarou que ficava em lugar o artigo da lei de 6 de março de 1841 que elevou a capela do povoado do Espírito Santo à Freguesia, a qual fica pertencendo ao município de Santa Luzia. (Clodomir Silva, apud Anjos, 2001: 12).

Na mesma monografia (2001: 14), encontramos relatos sobre a atual vila do Espírito Santo, que teve sua capela erguida na freguesia pela Lei nº 65 de 6 de março de 1841. No século seguinte, precisamente em 28 de março de 1938, Indiaroba inicia uma nova etapa com a emancipação política, sendo o Sr. Antônio Ramos da Silva, o primeiro prefeito do município. Atualmente, a expansão turística do litoral da Bahia até Sergipe, com os complexos hoteleiros existentes e a abertura da Linha Verde tornou Indiaroba a porta de entrada do Estado sergipano. 

Os dois povoados (Pontal e Terra Caída) são locais para apreciar as belas e poéticas paisagens à beira dos rios Piauí (Sergipe) e Real (Bahia), e desfrutar de passeios por manguezais, restinga de Mata Atlântica e biomas de praia.  A partir do Pontal, atravessando o Rio Real de barco ou de lancha, pode-se chegar à Mangue Seco, que é uma pequena vila de pescadores, no município de Jandaíra, estado da Bahia. Esta região é muito bonita. Tanto é que inspirou o escritor Jorge Amado a escrever sua obra “Tieta do Agreste”, e que depois virou novela e até filme da TV Globo. 

Indiaroba Mangue Seco Jandaira Bahia
Mangue Seco, Jandaíra, Bahia - Foto por: Divulgação
Indiaroba Mangue Seco Jandaira Bahia BH
Mangue Seco, Jandaíra, Bahia - Foto por: Divulgação

Já na culinária, um dos sabores mais apreciados no litoral sul de Sergipe é o catado de aratu, um crustáceo vermelho, primo do caranguejo que vive em locais de água salobra. O catado de aratu é vendido defumado na palha de bananeira, com bastante tempero e cheiro verde. Em Terra Caída, as empadinhas do bar e restaurante O Pascaso, no cais do povoado, são uma atração. A iguaria é uma das mais cobiçadas na região e muitos turistas que seguem para a Bahia param na localidade para apreciá-la.

unnamed
Terra Caída. Foto: Sílvio Oliveira.
Indiaroba Mangue Seco Jandaira Bahia Pontal
Pontal. Foto: Sílvio Oliveira.
Catado de Aratu Indiaroba Bahia
Catado de Aratu. Foto por divulgação.

Referências:

Políticas de Privacidade

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência. Ao continuar navegando em nosso site você concorda com nossa política de privacidade.

Garanta 10% OFF

Cadastre seu email e receba seu cupom de desconto.

* Consulte as condições em nossa central de reservas.
* Promoção sujeita a alteração e disponibilidade.

FOTOS